Campina da Lagoa/PR -  
  Enquetes   O portal   Classificados   Fale Conosco   Guia Comercial  
 
 

  Nova Cantu e Altamira do Paraná terão serviço presencial do MPPR  
  Publicado em 9 de Abril de 2019  
 
Envie por email
 
 

 
 
 
Nova Cantu e Altamira do Paraná terão serviço presencial do MPPR

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A partir deste mês de abril, o Ministério Público do Paraná passará a atuar de forma descentralizada na Promotoria de Justiça de Campina da Lagoa, Centro Ocidental do estado. Para tanto, todos os meses, o MPPR vai deslocar uma equipe para atender diretamente nas cidades de Nova Cantu e Altamira do Paraná, que também compõe a comarca.

 

A ação descentralizada tem como objetivo aproximar a instituição da comunidade nas cidades que ainda não contam com uma sede própria do Ministério Público. Com isso, a população poderá levar diretamente aos promotores de Justiça questões relacionadas à atuação do MPPR, em áreas como educação, criança e adolescente, patrimônio público, meio ambiente, consumidor, entre outras. O trabalho na comarca de Campina da Lagoa será conduzido pelo promotor de Justiça Thimotie Aragon Heemann.

 

Em Altamira do Paraná o atendimento do Ministério Público será prestado sempre na penúltima sexta-feira do mês, no período da tarde (das 13h30 às 16h30), na casa da Cultura (Praça Daniel Soares, s/n, Centro). Em Nova Cantu, a Promotoria de Justiça atenderá na última sexta-feira do mês, também à tarde (13h30 às 16h30), na Biblioteca Municipal (Rua João Farias da Costa, 480).

 

Feriado – Nesta primeira edição, por conta do feriado da Sexta-Feira Santa, em 19 de abril, excepcionalmente, o atendimento em Nova Cantu será antecipado para quarta-feira, 17 de abril. No próximo mês já vale o calendário oficial do projeto (última sexta-feira do mês).

 

MP Social – O serviço descentralizado das Promotorias de Justiça do Ministério Público do Paraná integra o Projeto MP Social, ação estratégica institucional que objetiva ampliar o acesso ao sistema de justiça por parte das comunidades que vivem territórios com alto índice de vulnerabilidade social e contam com oferta precária de serviços públicos.

 

 

 

 
 
 
 
     
 

 
 
     
Publicidade

 

 


Portal do vale - desenvolvido por Oberdan.com